Pesquisar os Motivos de Orgulho

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Motivo de orgulho (Pedro Baptista, transplante figado)

Pedro Baptista, investigador português, é o líder da equipa que promete revolucionar o transplante de fígado.
Criou pela primeira vez em laboratório um fígado humano.
Para já só tem 2,5 centímetros e pesa pouco mais de cinco gramas, mas o objectivo agora passa por descobrir a fórmula para o fazer crescer.

Motivo de orgulho (Tiago Fleming Outeiro)

O investigador português Tiago Fleming Outeiro, ganhou um «Rapid Response Innovation Award», atribuído pela Fundação americana Michael J. Fox. A distinção financia projectos inovadores que investiguem a origem ou o tratamento da doença de Parkinson.

Motivo de orgulho (Instituto Pedro Nunes)

O Instituto Pedro Nunes, em Coimbra, (IPN) venceu o prémio internacional de Melhor Incubadora de Base Tecnológica do mundo. A instituição foi premiada pelo modelo de negócio auto-sustentado com forte retorno do investimento público, por uma taxa de sobrevivência das empresas incubadas superior a 80 por cento, por um volume de negócios agregado superior a 70 milhões de euros e pela criação de mais de 1.500 postos de trabalho directos, muito qualificados, desde o seu inicio de actividade.

Motivo de orgulho (António Damásio, neurocientistas)

António Damásio é um dos mais conceituados neurocientistas no mundo, tendo ganho diversos prémios internacionais.
Honda Prize, Richard Wollheim Prize, London; 2005, Prince of Asturias Award for Scientific and Technical Research; 2004, Signoret Prize in Cognitive Neuroscience (shared with Hanna Damasio...); 2003, Nonino Prize; 2002, Named "Highly Cited Researcher" in Neuroscience by the Institute for Scientific Information; 2000, The Reenpää Prize, Finland; 1997, Prix Plasticité Neuronale, Ipsen Foundation; 1995, Golden Brain Award (Berkeley); 1995, Order of Santiago da Espada (Grand Oficial), Portugal; 1992, Pessoa Prize (shared with Hanna Damasio).

Motivo de orgulho (Emmy, Meu Amor)

Televisão portuguesa vence um Emmy pela primeira vez com uma novela da TVI, "Meu Amor" foi distinguida, em Nova Iorque, como melhor novela internacional entre 120.
A produção da Plural Portugal, escrita por António Barreira, que juntou no pequeno ecrã nomes como Alexandra Lencastre, Margarida Marinho, Rita Pereira, Paulo Pires e Nicolau Breyner foi nomeada como "Melhor Novela Internacional" e venceu as concorrentes Dahil May Isang, das Filipinas, e Ciega a Citas, da Argentina.



Motivo de orgulho (Infantuna)

Infantuna ganha a 1ª Bienal Internacional de tunas do Peru.

Motivo de orgulho (polímero natural e péptidos)

Uma equipa de cientistas luso-americana criou "mini-laboratórios" de células vivas a partir da junção de duas soluções aquosas, uma contendo um polímero natural e a outra moléculas de péptidos, indica um estudo publicado na revista Science.
Helena Azevedo, do Grupo de Investigação 3B's (Biomateriais, Materiais Biodegradáveis e Biomiméticos) da Universidade do Minho, e colegas da Northwestern University (NU) em Chicago e Evenston (Illinois) descrevem no estudo, pela primeira vez, a formação instantânea de uma estrutura macroscópica na forma de um saco ou membrana quando as duas soluções, de carga eléctrica oposta, são postas em contacto.

Motivo de orgulho (António Borges. FMI, António Horta Osório, Lloyds Bank)

Uma semana depois de António Borges ter sido nomeado director Europeu do FMI, António Horta Osório foi nomeado para chefiar o Lloyds Bank, um dos maiores bancos do mundo. O Finantial Times disse: "Horta Osório seria sempre uma escolha de sonho para próximo líder executivo do Lloyds".

Motivo de orgulho (Elvira Fortunato, Rodrigues Martins, transistor)

Equipa portuguesa, liderada por Elvira Fortunato e Rodrigo Martins, inventa transístor que muda a cor de qualquer superfície.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Motivo de orgulho (Diário Notícias Madeira)

O Diário de Notícias da Madeira foi considerado o Jornal Europeu do Ano, na última edição do European Newspaper Award.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Motivo de orgulho (Fernando Cabrita, Poesia Palavra Ibérica)

Fernando Cabrita, com a obra “Ode à liberdade e outros poemas”, venceu a edição portuguesa do Prémio Internacional de Poesia Palavra Ibérica, no valor de 2500 euros, entre 89 obras a concurso. O Prémio Poesia Palavra Ibérica foi instituído há três anos pelas edilidades de Vila Real de Santo António e de Punta Umbría (Andaluzia) e visa distinguir, anualmente, uma obra em espanhol e outra em português na área da poesia, contando com o apoio do Sulscrito – Círculo Literário do Algarve.
http://www.jornaldoalgarve.pt/2010/10/fernando-cabrita-vence-premio-internacional-de-poesia-palavra-iberica/

Motivo de orgulho (Paulo Osório, estruturas aço)

O investigador português Paulo Osório ganhou um prémio internacional com um projecto de investigação de estruturas de aço e sua utilização em ambiente marítimo.
http://www.hojelusofonia.com/investigador-portugues-ganha-premio-internacional/

Motivo de orgulho (Virgílio Ferreira, Emergentes DST)

A série de fotografias “Uncanny Places”, do português Virgílio Ferreira, foi a vencedora da primeira edição do prémio de fotografia internacional “Emergentes DST”. “Uncanny Places” é um projecto que o autor tem vindo a desenvolver em algumas cidades da Europa, Estados Unidos, China e Rússia.

Motivo de orgulho (Vanessa Batista, permafrost, Antárctida)

A investigadora Vanessa Batista, do Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa, foi premiada na maior conferência internacional sobre ciência polar, que decorreu no início do mês em Oslo, pelo seu trabalho sobre o permafrost, o solo permanentemente gelado, na Antárctida.
http://ecosfera.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1441980

Motivo de orgulho (Bernardo Mota, Jeune Historien)

Bernardo Mota, do Centro de História das Ciências da Universidade de Lisboa, ganhou o Prémio «Jeune Historien» da Académie Internationale d'Histoire des Sciences do ano de 2009, pela sua tese de doutoramento «O estatuto das matemáticas em Portugal nos séculos XVI e XVII». O prémio, a mais alta distinção internacional concedida a uma tese em história da ciência, foi entregue numa cerimónia pública em Budapeste, no passado mês de Julho.

Motivo de orgulho (SNIG)

Instituto Geográfico Português Recebe Prémio Internacional pelo Geoportal SNIG. O Prémio Special Achievement in GIS reconhece as organizações que foram mais além na utilização da tecnologia de Sistemas de Informação Geográfica (SIG). No passado mês de Julho, no Encontro de Utilizadores Esri Internacional – Esri UC -, o Instituto Geográfico Português foi distinguido com o prémio Special Achievement in GIS. O IGP foi reconhecido pelo Geoportal SNIG, pioneiro e com melhores práticas, totalmente de acordo com os requisitos, linhas orientadoras e princípios do INSPIRE, ISO e OGC.

Motivo de orgulho (Nuno Santos, Viktor Ambartsumian)

A primeira edição do prémio internacional de Astronomia Viktor Ambartsumian foi para o astrónomo Nuno Santos e mais dois colegas estrangeiros pela investigação feita em planetas fora do sistema solar.
http://www.publico.pt/Ci%C3%AAncias/astronomo-portugues-recebe-premio-internacional-por-procura-de-exoplanetas_1448298

Motivo de orgulho (Carlos Couto, cortiça, Better City, Better Life)

Carlos Couto liderou uma equipa de 12 pessoas que construiram um pavilhão em cortiça. O prémio avalia a fachada e decoração exterior do pavilhão, o desenho arquitectónico, as técnicas de construção usadas e a sua relação com o tema da Expo2010, "Better City, Better Life" (Melhor Cidade, Melhor Qualidade).